Conheça o Pokévision, um mapa web alimentado por serviços ArcGIS que mostra todos os Pokémon perto de locais solicitados pelo usuário

pokemon 600x390 Pokévision e Esri juntas na caça aos Pokémon. Entenda

Quando os visitantes digitam um endereço ou clicam em algum local do mapa, Pokémons são exibidos em tempo real. O Pokévision ajuda os jogadores de Pokémon Go a caçarem os “monstrinhos” de forma mais estratégica, exibindo mudanças de local e tempo gasto em cada lugar; o período de tempo em um determinado local depende da raridade do personagem.

O Pokévision tinha 20 milhões de usuários únicos nos primeiros cinco dias de existência do jogo e não pára de crescer. Seu pico de uso excedeu 320 mil visitantes, com acessos aos mapas online se estendendo até às dezenas de milhões.

Os desenvolvedores do Pokévision escolheram a Esri pelos seus recursos de mapeamento open-source, interativos e compatíveis com dispositivos móveis. Os desenvolvedores primeiro construíram o aplicativo para alguns amigos, mas a ferramenta era tão popular que rapidamente se tornou viral. Poucas horas depois da criação, a Esri experimentou o dobro das taxas de acesso normais, e o uso de mapas interativos usados ​​para exibir Pokémon aumentou mais de 30%.

Os desenvolvedores podem trazer a localização do Pokévision aos seus aplicativos utilizando ArcGIS, independentemente da sua experiência na criação de aplicativos geoespaciais. Aplicativos para web, móveis e para desktop podem incorporar o mesmo mapeamento, visualização e análise que centenas de milhares de organizações em todo o mundo confiam a cada dia.