DroneShow realiza em Curitiba seminário e curso sobre empreendedorismo e mapeamento com Drones. Últimas vagas!


box 2 400x400 Últimas vagas para curso e seminário desta terça em Curitiba sobre DronesEm plena crise econômica nacional, o mercado de Drones para usos comerciais no Brasil está em grande expansão. Este movimento vem gerando muitas oportunidades para criação de centenas de empresas e milhares de empregos

Segundo a Associação Americana de Drones, a popularização do uso de drones para fins comerciais vai gerar, somente nos Estados Unidos, 100 mil empregos novos nos próximos 10 anos.

Em 2016, a PriceWaterhouseCoopers classificou a tecnologia como disruptiva e fez a primeira pesquisa global sobre a expectativa de nreceitas a serem geradas em vários setores, desde a engenharia, segurança e meio ambiente até o entretenimento, chegando a incríveis 127 bilhões de dólares.

Segundo um relatório publicado neste início de ano, pelo Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, ao avaliar o mercado brasileiro e europeu, informa que existem 19 fabricantes de drones no Brasil, sendo 12 no estado de São Paulo. E que os drones mais usados para usos profissionais podem alcançar até 50 quilômetros, pesar menos de 5 quilos, voar até 6 quilômetros de altura a uma velocidade de até 60 quilômetros por hora, com autonomia entre 30 minutos a 2 horas e terem um custo entre 500 a 70 mil dólares.

No Brasil, os números são impressionantes. Em 2016, os empresários do setor fizeram uma previsão de faturamento de 200 milhões de reais e a feira DroneShow, realizada em São Paulo no ano passado, gerou mais de 40 milhões em negócios, segundo os expositores.

Como ganhar dinheiro com Drones?

Nessa terça-feira (21/2) vai acontecer em Curitiba (PR) um seminário com foco em como empreender na área de veículos aéreos não tripulados, seguido de um curso sobre mapeamento com drones.

Emerson Granemann , diretor do grupo MundoGEO e idealizador do DroneShow, vai apresentar os tipos de drones, sensores e softwares de processamento de dados, incluindo comparativos de preços. Vai dar dicas de  boas práticas segundo a legislação atual para trabalhar na legalidade e os números detalhados do mercado mundial e brasileiro do setor para aplicações comerciais.

Em seguida, o especialista George Longhitano, fundador e diretor da G drones, com experiência na prestação de serviços e na montagem, homologação e certificação de plataformas embarcadas e drones, vai orientar quem quer montar uma empresas no setor sob o ponto de vista de recursos humanos e tecnológicos para oferecer serviços de qualidade, segurança nas operações e alto valor agregado. Ele vai detalhar as várias aplicações dos drones e como cobrar pelos serviços de inspeção de obras, agricultura, infraestrutura, meio ambiente, florestal, mapeamento, topografia, publicidade, eventos, segurança, entre outros.  

Na parte da tarde acontece no mesmo local o Curso “Drones para mapeamento”, uma atividade opcional para quem tiver interesse em obter informações mais técnicas e detalhadas para esta aplicação específica de mapeamento, muito útil para gestão de cidades, análise de impacto ambiental, agricultura e engenharia em geral

Nos intervalos da manhã e tarde haverá uma mostra de drones.

Serviço: Seminário “Como ganhar dinheiro com drones”, dia 21 de fevereiro das 9 às 13 hs e na parte da tarde opcionalmente tem o Curso “Drones para mapeamento” das 14 às 18h. Local: Hotel Victoria Villa na Avenida Sete de Setembro, 2448, Curitiba (PR).

Veja a programação completa em www.droneshowla.com/como-ganhar-dinheiro-com-drones/curitiba

 

facebook Últimas vagas para curso e seminário desta terça em Curitiba sobre Drones

Fonte: DroneShow