Esta é uma nova coluna da revista, que vai trazer a cada edição informações sobre o que acontece na internet em relação às chamadas "comunidades virtuais". Mas não é só isso! Também vamos mostrar quais são os assuntos que despertam maior interesse nos internautas .

Para começar, vamos dar um giro rápido nas possibilidades que atualmente estão a nossa disposição quando se trata do mundo virtual. Talvez os dois elementos mais conhecidos sejam os portais e as listas de discussão (para saber mais sobre este assunto, leia na revista InfoGEO 40 a matéria sobre as comunidades geo na web).

Lista da Discussão

Uma lista de discussão, ou e-group, funciona basicamente como um serviço de troca de mensagens. Possui um moderador, que pode intervir se achar que o foco das discussões está sendo desvirtuado. O seu objetivo maior é manter a comunicação e a discussão entre profissionais de diferentes regiões. Nesse tipo de reunião, podem ser postadas mensagens para divulgar eventos e oportunidades, promover discussões técnicas e trocar informações.

Um exemplo já bem conhecido é a lista de discussão da ABEC-SP, criada em 2003 após o GEOBrasil, onde um grupo de engenheiros cartógrafos se reuniu para discutir os impactos da Lei 10.267. Com o tempo e o sucesso da lista de discussão, ela deixou de ser apenas uma comunidade virtual de engenheiros cartógrafos do Estado de São Paulo, para abranger os profissionais de todo o Brasil e até do exterior. Atualmente, a lista de discussão possui 347 associados, entre alunos de graduação e profissionais, distribuídos em 18 Estados brasileiros, além de assinantes no Canadá, Peru e Portugal. Os associados pertencem a órgãos públicos federais (INCRA, IBGE, IBAMA, ANA, Marinha), estaduais (Prodam, CET, SEPLANTEC, FEPAM), prefeituras municipais espalhadas por todo o país, ONGs, profissionais nas principais empresas que prestam serviços em Cartografia e que comercializam softwares e equipamentos e nas Universidades (UNESP, UFPR, UFRGS, UFPE, IME, UERJ, USP, UFSCar, UFSC, CEFETs). Segundo Edmilson Volpi, um dos idealizadores da lista, a grande vantagem é contar com a presença de profissionais que participaram ou participam da criação de leis e normas, pois eles podem esclarecer dúvidas dos assinantes, tais como: membros do INCRA nas questões sobre o georreferenciamento de imóveis rurais; representantes de CREAs nas questões sobre a reformulação da resolução 218 do Confea; e membros do IBGE que auxiliam na questão da mudança no novo referencial geodésico (SIRGAS).

A lista de discussão do portal MundoGEO.com – lista@mundogeo.com – também é outro meio de comunicação entre profissionais das mais diferentes áreas. Com aproximadamente mil participantes, apresenta os mais variados assuntos permitindo discussões profissionais, divulgação de oportunidades de emprego e dúvidas sobre questões técnicas.

orkut

Algo que está caindo no gosto dos internautas é o orkut – www.orkut.com – , uma rede de contatos na internet que conta com aproximadamente 10 milhões de usuários. Seu principal objetivo é permitir a interação entre as pessoas. Entretanto, ao contrário das listas de discussão onde você decide se quer ou não participar e se associa, para participar do orkut você precisa receber um convite de um outro participante. Dentro do orkut existem comunidades, que agregam as pessoas segundo seus interesses comuns. Sendo membro do orkut é possível participar de quantas comunidades desejar, é possível também criar sua própria comunidade e convidar as pessoas a participar dela.

Existem hoje no orkut diversas comunidades voltadas a reunir interessados em geoinformação. Exemplos são as comunidades “Georreferenciamento”, que tem aproximadamente 320 participantes, a comunidade “GPS BRASIL” (Figura 1), com quase 1,7 mil participantes, entre outras.

No orkut fala-se de tudo. São postadas desde dúvidas relacionadas às atividades da geoinformação, divulgação de eventos até um simples bate-papo.

pag14 1 Comunidades geo na web

Participe!

Se você conhece ou participa de alguma comunidade online no Brasil ou no exterior, envie-nos sua sugestão para que possamos divulgá-la. opiniao@mundogeo.com opiniao@mundogeo.ccom

Novo MundoGEO.com em três idiomas agrega comunidade geo na América Latina

pag15 1 Comunidades geo na web

Está no ar desde outubro o novo portal MundoGEO.com em Português, Espanhol e Inglês. Com um projeto gráfico mais moderno – fruto de meses de intensa pesquisa – as novas interfaces do site e ferramentas de busca permitem uma navegação mais eficiente, dinâmica e agradável.

O novo portal traz na bagagem o mesmo conteúdo da versão anterior: 6 mil textos, 2 mil páginas de conteúdo e 50 revistas disponíveis na íntegra para leitura online, além do Guia de Empresas, relato de casos, informações sobre cursos e eventos, livraria online, etc. As três versões são atualizadas constantemente, acompanhando a movimentação do mercado e cumprindo o papel de unir a comunidade de geoinformação na América Latina.

Luciene Delazari
assessora editorial da Editora MundoGEO.