Encontro Internacional para Liderança na Engenharia reúne estudantes de engenharia de 7 países com a finalidade de encontrar soluções inovadoras e inteligentes para os problemas enfrentados nas grandes cidades

O Encontro Internacional para Liderança na Engenharia (EILE), em sua terceira edição, traz novamente o tema Cidade do Futuro para que estudantes de engenharia do Brasil, Itália, Peru, Venezuela, Colômbia, Nigéria e Portugal desenvolvam soluções para os problemas de cidades brasileiras baseadas em aspectos como inovação, viabilidade de implementação e impacto na sociedade.

A partir desta terça-feira (4/9), 32 alunos de graduação e pós-graduação da Escola Politécnica de São Paulo e de universidades internacionais parcerias do programa estarão reunidos, em Santos, para debater com professores e especialistas temas como mobilidade urbana, sustentabilidade, energia e tecnologia. O programa conta com uma semana de atividades no campus da USP (em Santos), dois meses para os grupos de alunos estruturarem propostas de solução para as cidades e seis meses para que o melhor projeto seja desenvolvido.

redes cadastrais de referencia nos municipios 300x251 Estudantes de engenharia propõem soluções para problemas das cidadesPara Arthur Shimizu, presidente do Grêmio Politécnico, o evento tem como principal objetivo criar propostas inovadoras que sejam aplicáveis na solução da problemas das cidades brasileiras, além de promover o intercâmbio de conhecimento e cultura entre estudantes de engenharia brasileiros e estrangeiros. “Esse intercâmbio é fundamental, na medida em que é possível promover a troca de experiência entre alunos, integrando culturas e ideias diferentes com a finalidade de encontrar soluções para melhorar a qualidade de vida nas cidades brasileiras”, ressalta.

Segundo Mayra Luna, estudante de engenharia da USP e integrante da equipe com o projeto vencedor do EILE 2017, a proposta foi escolhida devido a sua relevância e aplicabilidade. “O objetivo do projeto desenvolvido foi o de otimizar o processo de atendimento de emergências considerando o tempo de deslocamento da ambulância e o tempo de espera nas filas dos hospitais”, explica.

Mapeamento com Drones

O uso de drones em atividades de mapeamento será tema de dois cursos (básico + avançado) que vão acontecer durante o DroneShow Plus 2018, de 6 a 8 de novembro em São Paulo (SP). Confira a programação completa e garanta sua vaga!

A importância de mapas de alta precisão foi tema de debates no MundoGEO#Connect 2018, que aconteceu em maio passado na capital paulista. Confira um resumo do evento:

Imagem: Pixabay