February | 2010 | Energia

Energia

REMANSO

Por Marcos Cavalcanti | 11h35, 28 de Fevereiro de 2010

O Setor de Energia tem algumas palavras técnicas que não são usadas por outras especialidades, remanso é uma delas, digna de um bom dicionário, que escreverei algum dia. Remanso em linguagem bem leiga é o local onde o rio chega no final do reservatório devido ao enchimento do reservatório e que costuma ficar boa parte do tempo sem água.

 É comum os moradores residentes próximos a áreas de remanso nunca verem a água do reservatório chegar em suas propriedades, o que por vezes confunde a existência destas áreas. Com as chuvas do verão e o nível dos reservatórios cheios é bem provavel que o reservatório tenha chegado no remanso, por vezes temos solicitações de retificação de áreas no remanso  que são solicitadas por desconhecimento dos limites desta.

Outra surpressa foi ver que a palavra remanso no Winkipédia constar como um Município da Bahia e não tem nenhum escrito sobre este siginificado que estou abordando, quem sabe depois desse chamado alguem se habilita…

Se você tem alguma história sobre remanso ou quer abordar algum aspecto do remanso, deixe o seu comentátio….

 Para saber + :

WINKIPÉDIA

http://pt.wikipedia.org/wiki/Remanso

share save 171 16 REMANSO

APAGÃO NO NORTE E NORDESTE, MAIS UMA VEZ!!

Por Marcos Cavalcanti | 14h45, 12 de Fevereiro de 2010

Quarta-feira teve mais um apagão no setor elétrico, desta vez no Nordeste, na Linha de Transmissão Colinas – Miracema por causa de um galho, isto mesmo, a informação foi dada pela Empresa Estatal Eletronorte nesta quinta-feira dia 11 de fevereiro de 2010, segundo o Jornal O Globo,  uma árvore teria entrado no campo magnético da linha de transmissão deixando 30% do Nordeste sem luz e 20% do Norte do País.

Para que este tipo de problema não ocorra são efetuados constantes vistorias do Departamento de Meio Ambiente e da Operação, havendo podas que são raras, pois a maior parte das faixas de servidões são formadas por capim ou capoeira e não árvores.

A faixa de servidão é o trecho do terreno que o proprietário sede ou vende para passagem das linhas de transmissão,  que dependendo da corrente da linha esta distância aumenta ou diminui.

Futuramente colocarei aqui as distâncias normais de servidão em função da tensão da Linha de Transmissão.

Sendo assim, realmente foi uma falha grave que deve ser observada para que futuros erros como esse não se repitam, valendo ressaltar que como vem se repetindo!!

Deixe seu comentário sobre o assunto…

Para Saber +:
Eletronorte: www.eletronorte.gov.br

share save 171 16 APAGÃO NO NORTE E NORDESTE, MAIS UMA VEZ!!

ATIBAIA – SP UM ALERTA!!!

Por Marcos Cavalcanti | 15h09, 01 de Fevereiro de 2010

Na terça-feira dia 26, a represa de Nazaré Paulista estava com 100,4% de sua capacidade de operação e as famílias foram retiradas para que uma tragédia de dimensões monstruosas não instale-se. As Usinas Hidrelétricas detém de uma estrutura para liberar excessos de água que se chamam Vertedouro, eles são rampados para que a água não escave a base da estrutura da Usina, ocasionando seu rompimento. A atitude da cidade de Atibaia através de sua prefeitura foi preventiva e corajosa, pois existia risco da usina mesmo liberando água pelo vertedouro e gerando energia de provocar um desastre.

As hidrelétricas de Furnas estiveram com seus reservatórios bem cheios, porem longe de uma situação parecida com represa de Nazaré Paulista 109,36% da capacidade no dia de hoje , da maneira que o aquecimento global vem se delineando, acredito que as empresas do setor devem se mobilizar para planos de alternativas preventivos em caso de cheias, pois o alerta foi dado. 

Deixe seu comentário…
 
Para saber + :
 
ATIBAIA NEWS
www.atibaianews.com.br/index.php

FURNAS CENTRAIS ELÉTRICAS S.A.
www.furnas.com.br

share save 171 16 ATIBAIA   SP UM ALERTA!!!
  • Marcos Cavalcanti
    @marcanti
    Marcos José é Arquiteto com Pós-Graduação em Análise e Avaliação Ambiental pela PUC-RIO e Gestão Integrada do Patrimônio Cultural pela UFPE/UNESCO e Extenção em Geoprocessamento na PUC-MINAS VIRTUAL.Atualmente faz Pós-Graduação em Fotografia e Imagem pela UCAM / IUPERJ;

    Marcos José é Arquiteto com Pós-Graduação em Análise e Avaliação Ambiental pela PUC-RIO e Gestão Integrada do Patrimônio Cultural pela UFPE/UNESCO e Extenção em Geoprocessamento na PUC-MINAS VIRTUAL.Atualmente faz Pós-Graduação em Fotografia e Imagem pela UCAM / IUPERJ;

  •