A XMobots, principal empresa brasileira especializada no desenvolvimento e fabricação de aviões não tripulados (RPAs), irá realizar na DroneShow mais um grande lançamento: o Echar 20C, mais nova versão da família Echar, drone líder de vendas da empresa.

A principal mudança em relação a versão B está na melhoria da eficiência estrutural da aeronave e no aumento da bateria, resultando em  maiores autonomia e capacidade de mapeamento. Dessa forma, o drone poderá voar por 2h30 (duas horas e trinta minutos) nas chamadas Condições ISA, termo aeronáutico para voos realizados em temperatura de 15°C, com pouco vento e com altitude semelhante ao nível do mar.

“Usamos como parâmetro as Condições ISA porque o mercado acabou adotando esse padrão ‘de catálogo’. Se analisarmos as condições médias de clima e relevo no Brasil, a autonomia do Echar 20C é de aproximadamente 2 horas, o que é algo único no Brasil”, explica o engenheiro mecatrônico Giovani Amianti, CEO da XMobots.

Com o ganho de autonomia, o Echar 20C será capaz de mapear, em um único voo, uma surpreendende área de 5 mil hectares, considerando as Condições ISA, sobreposição de 60% e uso da câmera RGB de 36 Mpix (um dos itens opcionais do equipamento). Nessas condições, o superdrone da XMobots mantém o posto de mini-VANT (categoria até 7,5 kg) com a maior capacidade de mapeamento do mundo.

Além disso, a nova estrutura do Echar foi desenvolvida para ser à prova de chuva. “Essa mudança faz do Echar um drone ainda mais robusto, pois essa vedação permite voos em chuva moderada e protege toda a eletrônica e sensores embarcados em caso de um possível pouso sobre a água”, ressalta o engenheiro, acrescentando que o equipamento terá preço especial de venda durante a DroneShow.

XPlanner

Além do Echar 20C, a XMobots também apresentará na DroneShow o novo software proprietário de planejamento de missão. Denominado XPlanner, o software 100% automatizado é o primeiro do mercado mundial com planejamento orientado aos produtos finais da missão. O primeiro passo do planejamento é selecionar o produto final de imageamento que se pretende obter. Por exemplo: para as missões em Agricultura, o software dará ao usuário a possibilidade de escolher a cultura (cana-de-açúcar, soja, eucalipto e laranja) e o foco do mapeamento  (linha e falha de plantio, contagem de pés, detecção de invasoras, saúde da planta, diâmetro da copa, entre outros). Já em Topografia, o XPlanner permitirá ao usuário optar pela realização de levantamentos planimétrico (de perímetro ou cadastral), altimétrico (curvas de nível), entre outros.

Selecionado o produto final, o XMPlanner calculará todos os parâmetros do voo, como o melhor GSD de imagem, altura do voo em relação ao solo, sobreposição das imagens, entre outros itens que serão determinantes para o sucesso do processamento do produto.

A XMobots irá expor seus equipamentos no estande nº154. Mais informações pelo e-mail contato@xmobots.com.

Visite a feira DroneShow 2016 e veja de perto todas as novidades de Drones: www.droneshowla.com/inscreva-se

Novo Echar Branco 02 XMobots lança na DroneShow o drone Echar 20C para mapeamento