Foco do curso é a integração de sistemas de informações de planejamento e gestão ambiental, de forma a constituir um procedimento analítico para se aplicado em diferentes situações e casos

Está aberto até o dia 4 de março o processo seletivo do curso de especialização em Análise Ambiental – Turma 2018 da Universidade Federal do Paraná (UFPR).

Baixe o edital e preencha o formulário de inscrição

O Curso de Especialização em Análise Ambiental, ofertado pelo Departamento de Geografia desde 1993, pode ser considerado uma referência dado o fato de constituir um dos primeiros cursos lato sensu da UFPR.

Trata-se de um curso voltado para qualificar profissionais de diversas formações acadêmicas que atuam na área ambiental, tanto em nível regional quanto nacional, oferecendo-lhes subsídios teóricos e ferramentas metodológicas para atuarem nas áreas de Planejamento e de Gestão Ambiental, tanto no âmbito público como privado.

Concebido à luz dos novos desafios que o Desenvolvimento Sustentável coloca à sociedade brasileira, com este curso, busca-se fornecer conhecimentos teóricos e práticos para o adequado gerenciamento do meio ambiente.

Estudos integrados do meio ambiente, emprego de métodos geográficos de análise ambiental e uso de tecnologias de informações geográficas são as principais ferramentas metodológicas do curso, de forma a subsidiar a qualificação para o planejamento e para a gestão ambiental.

ambiental 300x200 Últimos dias para inscrição na especialização em Análise Ambiental da UFPREste curso tem como foco a integração de sistemas de informações de planejamento e gestão ambiental, de forma a constituir um procedimento analítico para se aplicado em diferentes situações e casos.

O objetivo geral consiste na qualificação de profissionais que atuam na área de meio ambiente, fornecendo subsídios teóricos e práticos, de modo a constituírem elementos dinamizadores para as transformações e melhorias de processos e de tecnologias no uso dos recursos ambientais.

Com carga horária de 375 horas – sendo 250 teóricas e 125 práticas -, é voltado a profissionais geógrafos, biólogos, engenheiros ambientais, engenheiros florestais, gestores ambientais, economistas, profissionais de áreas de conhecimento afins, na análise ambiental com base em uma abordagem temporal e espacial da relação sociedade-natureza.

Geoinformação & Disrupção: Criando Novos Mercados

Como a cadeia produtiva da Geoinformação pode se adaptar às rápidas e constantes mudanças que estão ocorrendo e também buscar novos mercados?

Toda esta evolução digital está baseada em tecnologia móvel, a combinação de inteligência artificial e a observação da Terra, serviços automatizados de localização, big data e análises geográficas em tempo real.

No seminário Geoinformação & Disrupção, que vai acontecer no dia 15 de maio na abertura do MundoGEO#Connect 2018, especialistas estarão reunidos para debater estas tendências e desvendar os melhores caminhos para as empresas do setor continuarem a prover soluções para uma cadeia consumidora corporativa da análise geográfica cada vez mais ampla e exigente.

Veja a programação completa e confira como foi a última edição, que contou com mais de 3 mil participantes: