Inscrições gratuitas (vagas limitadas)

curso de metadados geoespaciais 300x168 Unifesp realiza evento sobre Metadados Geoespaciais DigitaisA Unifesp Baixada Santista está promovendo eventos de extensão de curta duração gratuitos sobre diversos temas, tais como sensoriamento remoto e vegetação, arqueologia subaquática, desastres naturais, manguezais, mapeamento subaquático, mapeamento de campo de dunas, astronomia de posição, entre outros.

Participação garantida mediante prévia inscrição. Em cada evento para sua efetiva realização é exigido número mínimo de inscritos: 10.

O próximo evento será sobre Metadados Geoespaciais Digitais, no dia 7 de agosto das 19h às 21h.

A pesquisa consiste no desenvolvimento, apresentação e aplicação de metodologia para análise espacial e temporal apoiada por tecnologias de Geoprocessamento (Sistema de Informação Geográfica – SIG e Sistema de Posicionamento Global – GPS), de forma sistemática e institucional, aplicável à avaliação de processos de fenômenos geográficos, como um requisito para execução de projeto técnico de gerenciamento costeiro em gestão territorial e ambiental.

No evento será apresentada a informação geográfica como propriedade de objeto geográfico e sua representação digital, além de iniciativas recentes de sua padronização visando o intercâmbio entre instituições produtoras/provedoras e usuárias de dados e informações geográficas.

Tecnologias da informação geográfica associadas a técnicas de processamento digital de imagens de Sensoriamento Remoto são apresentadas e discutidas. Será apresentado o potencial dos SIG, em especial o sistema SPRING4.1, como tecnologia de Geoprocessamento, assim como do uso de métodos de determinação de coordenadas de estações terrestres por meio do Sistema de Posicionamento Global (GPS).

É entendido pelo autor que planejar e ordenar o espaço geográfico exige aplicação de metodologia eficiente, tendo em vista a complexidade da área geográfica no tratamento digital de dados geográficos.

Experimentos foram realizados através dessas tecnologias contemporâneas, tendo como foco a temática erosão em Atafona, localizada no município de São João da Barra (RJ), com o propósito de validação das ferramentas e seus conceitos permitindo o encorajamento do seu uso mais extensivo em atividades gerenciais e decisórias por administradores públicos, em processos de ordenamento do espaço geográfico, que têm relação direta com gestão territorial. Resultados relativos à morfologia de feições costeiras foram obtidos e permitiram a análise espaço-temporal do fenômeno erosivo em curso.

Inscreva-se

Mapeamento com Drones

O uso de drones para mapeamento será tema de dois cursos (básico e avançado) que vão acontecer durante o DroneShow Plus 2018, de 6 a 8 de novembro em São Paulo (SP). Confira a programação completa.

Este tema também foi destaque em várias atividades do DroneShow 2018, que aconteceu em maio passado também na capital paulista. Veja um resumo de como foi o evento: