Na abertura da 7ª Conferência Internacional de Infra-Estrutura de Dados Espaciais Globais (GSDI 7), em Bangalore, Índia, o presidente da ESRI, Jack Dangermond, proferiu a palestra "GIS Inteligente dá suporte à construção de Infra-estrutura para Dados Espaciais Globais". Em seu discurso, Dangermond enfatizou o papel que os servidores de GIS têm em fornecer as partes essenciais da infra-estrutura dos dados espaciais (SDI), incluindo serviços para a rede global (Internet), portais, bases de dados geográficos inteligentes, modelos, metadados, e servidores de aplicação. "A ESRI torna possível a interoperabilidade para as partes componentes de SDI por construir seus softwares baseados em tecnologia de informação e padrões da comunidade GIS", salientou Dangermond. Ele apontou a importância do surgimento de um sistema federal de redes GIS que irá constituir o GSDI e estará baseado no trabalho que a comunidade internacional vem realizando. Na GSDI 7, a ESRI demonstrou os recursos de interoperabilidade OGC como extensão da plataforma GIS que habilita os produtos ArcGIS Desktop (ArcView, ArcEditor, e ArcInfo) para os padrões do Open GIS Consortium, Inc. (OGC), de Web Map Service (WMS), de Web Feature Service (WFS), e de Geography Markup Language (GML). Esses recursos podem ser adicionados aos produtos Desktop do ArcGIS como uma imagem padrão e camadas de feições. Usando a extensão Interoperabilidade OGC, ArcView, ArcEditor e ArcInfo, pode-se também editar qualquer camada de feições como um documento GML e adicionar esses documentos GML a qualquer visualizador de mapa. A extensão Interoperabilidade OGC para ArcGIS está disponível gratuitamente no Centro de Download da ESRI Interoperability Technology: www.esri.com/standards.

pag09 1 ESRI apóia interoperabilidade de dados espaciais globais