O IBGE lança hoje (10/12/2014), às 16h, durante o 42° Encontro Nacional de Economia, o livro “O Censo entra em campo: o IBGE e a história dos recenseamentos agropecuários”.A publicação reúne artigos que fornecem uma visão abrangente da maneira como os censos agropecuários foram executados, tratando tanto de aspectos metodológicos quanto do contexto histórico e social. O Encontro está sendo realizado no Centro de Convenções do Serhs Grand Hotel, localizado na Avenida Senador Dinarte Mariz, 6045, Vila Costeira, Natal (RN).2788 censoentraemcampo IBGE lança publicação sobre a história dos recenseamentos agropecuários

O Brasil realizou o seu primeiro Censo Agropecuário em 1920. Os censos seguintes foram realizados em 1940, 1950, 1960, 1970, 1975, 1980, 1985, 1995-1996 e 2006, e todos contribuíram para a evolução da própria agropecuária brasileira.

A publicação completa pode ser acessada na página  e também poderá ser comprada na loja virtual do IBGE. Haverá um lançamento do livro também no Rio de Janeiro (RJ), amanhã (11/12/2014), às 15h30, no auditório do Centro de Documentação e Disseminação de Informações do IBGE (CDDI), localizado na Rua General Canabarro, 706, Maracanã.

“O Censo entra em campo: o IBGE e a história dos recenseamentos agropecuários” foi organizado por Nelson de Castro Senra, pesquisador e professor no IBGE, tem prefácio de Charles Curt Mueller, ex-presidente do IBGE e professor emérito da Universidade de Brasília (UnB), e traz textos de especialistas de dentro e fora do IBGE.

Os artigos da primeira parte do livro (“Período antes do IBGE: breve síntese histórica”) abordam os primórdios da atividade estatística, com destaque para o Censo Agro 1920. A segunda parte (“Período de atuação do IBGE: os Censos vistos de fora”) busca verificar a percepção externa da atuação do IBGE, tanto de pesquisadores acadêmicos como de usuários de estatísticas agropecuárias. A terceira e última parte (“Período de atuação do IBGE: Os Censos vistos de dentro”) é focada no olhar interno, tratando da evolução dos métodos, processos e técnicas. Os artigos foram escritos por Antônio Carlos Simões Florido, Antônio Márcio Buainain, Caio Galvão de França, Eliana Teles Bastos, Eliseu Alves, Elisio Contini, Flávio Bolliger, Guilherme Costa Delgado, Hildo Meirelles de Sousa Filho, Ivete Oliveira Rodrigues, José Garcia Gasques, Licia Rubinstein, Marcos Zurita Fernandes, Maria Alice de Gusmão Veloso, Maria Vilma Salles Garcia, Mauro Eduardo Del Grossi, Nelson de Castro Senra, Otavio Valentim Balsadi, Paulo Ricardo de Brito Soares, Renato S. Maluf, Rodolfo Hoffmann e Vicente P. M. de Azevedo Marques.

A publicação também contém um apêndice com perfis de personalidades importantes na história do IBGE, produzido por Marco Aurélio Martins Santos, e é acompanhada por um DVD com informações complementares.

Fonte: IBGE