A construção da Plataforma foi um passo absolutamente importante para o estímulo e a adoção dessa nova metodologia digital do setor da construção

A Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), junto com a Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção (ABRAMAT), trará informações atualizadas, no 2º Seminário de Disseminação do BIM sobre as tendências de inovação na indústria de materiais e demais agentes da cadeia produtiva da construção que acontece nessa quinta (11/4) em São Paulo (SP).

Na ocasião, serão apresentados o conteúdo, cronograma e impactos da implantação da Estratégia Nacional de Disseminação do Building Information Modelling (BIM) pelo governo federal. Será divulgada, também, a Plataforma BIM BR com o detalhamento sobre o sistema e as orientações para downloads e uploads de objetos na ferramenta.

A Coordenadora de Difusão Tecnológica da ABDI, Talita Daher, ressalta que as bibliotecas de objetos e componentes são muito importantes para a adoção do BIM por parte do setor da construção. “A construção da Plataforma foi um passo absolutamente importante para o estímulo e a adoção dessa nova metodologia digital do setor da construção. Mas, por ser colaborativa, caberá ao setor produtivo, associações e profissionais a disseminação e a ampliação da ferramenta”, ressalta.

A programação do Seminário também contará com espaço para discussão sobre as normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) relacionadas ao BIM, além de casos práticos e exemplos de geração de bibliotecas BIM de importantes empresas fabricantes de materiais no Brasil.

Primeira biblioteca BIM pública no mundo

Primeira biblioteca BIM pública no mundo 300x140 Brasil conta com biblioteca BIM pública contendo mais de 1,6 mil itensLançada em novembro de 2018 e hospedada na Plataforma BIM BR, a Biblioteca Nacional BIM (BNBIM) é a primeira biblioteca BIM pública no mundo e conta com 1,6 mil itens.

A dinâmica de upload e download de objetos BIM segue diretrizes específicas da comunidade da BNBIM, as quais estão descritas nos manuais e regulamento disponibilizados na Plataforma.

A Plataforma BIM BR e sua BNBIM fazem parte da Política Nacional de Disseminação do BIM no Brasil, conhecida como Estratégia BIM BR, uma iniciativa do então Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC), Secretaria Especial de Produtividade, Emprego e Competitividade (SEPEC) e do atual Ministério da Economia.

Por dentro da integração Topografia, Laser Scanning e BIM

Dando sequência aos webinars de 2019, acontece na próxima segunda-feira (15/4) a palestra Por dentro da integração Topografia, Laser Scanning e BIM. Assista ao vivo para entender o papel do BIM no ciclo de vida de ativos imobiliários, suas aplicações e integração com a Topografia e Laser Scanning.

A apresentação da palestra será de Rovane Marcos de França, Professor de Controle de Obras do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina (IFSC). Mestre em Infraestrutura e gerência viária, Engenheiro civil, técnico em Geomensura e Estradas. Experiência em levantamentos com drones há 6 anos, laser scanner há 10 anos e projetos de infraestrutura há 28 anos

Registre-se agora e marque na sua agenda

Geo e Drones na Indústria 4.0

Você já pode marcar na sua agenda: de 25 a 27 de junho acontecem em São Paulo (SP) os eventos MundoGEO Connect e DroneShow 2019, os maiores da América Latina e entre os cinco maiores do mundo no setor. Alinhados às tendências globais e com foco na realidade regional, o tema geral dos eventos este ano será “Geotecnologia e Drones na Indústria 4.0”, com previsão de 4 mil participantes, 30 atividades e mais de 230 horas de conteúdo.

Instagram Imagem Post B1 300x300 Brasil conta com biblioteca BIM pública contendo mais de 1,6 mil itensOs conteúdos dos cursos, palestras e debates estão sendo formatados por um time de curadores para atender as demandas de empresas, profissionais e usuários principalmente nos setores de Agricultura, Cidades Inteligentes, Governança Digital, Infraestrutura, Meio Ambiente, Recursos Naturais, Segurança e Defesa.

Dentre as tecnologias disruptivas que estarão em destaque, estão Big Data, Inteligência Artificial / Machine Learning, Internet das Coisas, Realidade Virtual e Aumentada, BIM, Tecnologia Autônoma, entre outras, tudo isso cada vez mais integrado às Geotecnologias (Mapeamento, Cadastro, Imagens de Satélites, Inteligência Geográfica, GIS).

Perfil dos expositores da feira: prestadores de serviços de aerolevantamentos, mapeamento e cadastro; desenvolvedores de sistemas de análise espacial; provedores de imagens de satélites; fabricantes e importadores de drones; fabricantes de sensores e tecnologias embarcada; distribuidores de softwares, plataformas de processamento e análise de dados; agências reguladoras e órgão governamentais; empresas de consultoria e treinamento; distribuidores de equipamentos de geomática; empresas de mapeamento móvel, entre outras.

Veja a programação completa de cursos e seminários e garanta sua vaga! Confira um resumo de como foi a última edição dos eventos MundoGEO Connect e DroneShow:

Imagem: Divulgação