Confira os requisitos e diferenciais para concorrer a estas vagas

A Fundação Parque Tecnológico Itaipu – Brasil está com vagas abertas para atuar com Geoprocessamento, para Técnico de Nível Superior, sendo uma voltada para a área Ambiental e outra para Climatologia.

vagas para area ambiental 300x199 Parque Tecnológico Itaipu abre vagas para área de GeoprocessamentoNa primeira oportunidade, os requisitos obrigatórios são: Ensino Superior Completo na área Engenharia Ambiental, Geografia, Agronomia, Agrícola, Elétrica ou áreas correlatas; Pós-Graduação em Energia Renováveis, Gestão Ambiental, Agronomia, Agrícola, Elétrica ou áreas afins; Carteira de Habilitação B; Experiência mínima de seis meses no desenvolvimento de métodos, utilizando sistemas de informação geográfica, em software de geoprocessamento; Disponibilidade para viagens; Conhecimento de SIG, Sensoriamento Remoto (sensores orbitais de resolução espacial média – Landsat e Sentinel) e Cartografia Básica; Conhecimento de ferramentas de edição vetorial em Qgis, GRASS, GIS, Noções de Banco de Dados Geográficos; Conhecimento em banco de dados geográficas, utilizando ferramentas livres (PostgreSQL, PostGIS); e Inglês intermediário.

Requisitos desejáveis: Conhecimento em Gerenciamento de Projetos; Conhecimento em Normas Ambientais, Atividades Agropecuárias e Energias Renováveis; Conhecimento em estatística aplicada; Conhecimento em análises multicritérios utilizando sistemas de informações geográficas; Conhecimento em operação de drones/vants; Habilidades e atitudes: Boa comunicação oral e escrita, planejamento, atuação em equipes, criatividade, raciocínio lógico, negociação, iniciativa, disciplina, persistência, postura proativa, versatilidade, flexibilidade, comprometimento e demais atitudes em consonância com o código de conduta da Fundação PTI-BR.

Já a segunda vaga é para profissional com os seguintes requisitos: Ensino Superior Completo na área Ambiental; Experiência mínima de seis meses na participação de desenvolvimento de projetos utilizando Sistemas de Informação Geográfica/Geoprocessamento; Experiência mínima de seis meses na participação de desenvolvimento de projetos na área de climatologia; Conhecimento em Sistemas de Informações Geográficas; Conhecimento de Climatologia; Disponibilidade para viagens; Carteira de Habilitação B.

Por sua vez, os requisitos desejáveis são: Pós-graduação nas áreas de Climatologia, Meteorologia ou correlatas; Conhecimento de Sensoriamento Remoto, sensores orbitais para análise espaço temporal de variáveis climáticas; Conhecimento em estatística e análise de séries históricas de variáveis climáticas; Conhecimento Básico de Inglês e Espanhol; Habilidades e atitudes: Boa comunicação oral e escrita, planejamento, atuação em equipes, criatividade, raciocínio lógico, negociação, iniciativa, disciplina, persistência, postura proativa, versatilidade, flexibilidade, comprometimento e demais atitudes em consonância com o código de conduta da Fundação PTI-BR.

DroneShow Online em dezembro

Atendendo a pedidos, para quem não conseguiu fazer alguma atividade do evento presencial DroneShow Plus no início de novembro passado na capital paulista, está aberta a inscrição para uma oportunidade imperdível: o DroneShow Online será realizado de 3 a 7 de dezembro com 50% de desconto para quem aproveitar a promoção!

O DroneShow Online terá um seminário de abertura – com inscrição gratuita – no qual serão apresentados números do mercado brasileiro e mundial de drones, mostrando o estágio atual e as tendências relacionadas à cadeia produtiva do setor e aplicações atuais e potenciais dos drones e da tecnologia embarcada, além de um relato do 6º Fórum Empresarial de Drones realizado recentemente. Será feito, ainda, um resumo do estágio atual da regulamentação dos drones e recomendações para operações dentro das regras.

DroneShow Online Facebook Imagem Post 50off 400x210 Parque Tecnológico Itaipu abre vagas para área de GeoprocessamentoDurante a semana do evento serão oferecidos, ainda, cinco cursos online por especialistas do setor relacionados ao processamento de imagens com drones e as aplicações nas áreas de mapeamento, topografia, agricultura e inspeções na construção civil. Todos os inscritos nos cursos poderão acompanhar o conteúdo ao vivo ou assistir depois o replay, terão acesso aos materiais apresentados e poderão participar em um grupo fechado de networking.

Conheça a programação completa e garanta sua vaga

Imagem de capa: Pixabay